João Pessoa, 26 de abril de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
50 procedimentos

Hospital faz mutirão de cirurgias pediátricas

Comentários:
publicado em 26/04/2019 às 08h58
atualizado em 26/04/2019 às 10h18

Cinquenta crianças e adolescentes que estavam na fila de espera para fazer uma cirurgia eletiva pelo Sistema Único de Saúde (SUS) vão ser operados, na próxima semana, por cirurgiões pediátricos do Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC-UFCG), da Universidade Federal de Campina Grande e vinculado à Rede Ebserh.

O mutirão será possível porque o HUAC aderiu ao XIII Mutirão Nacional de Cirurgia da Criança, organizado pela Associação Brasileira de Cirurgia Pediátrica (Cipe). Em 2018, o esforço concentrado nacional contribuiu para restabelecer, em menor tempo, a qualidade de vida de 315 crianças operadas.  No HUAC, o mutirão será realizado entre 29 de abril e 4 de maio.

“Nossa expectativa é realizar cirurgia em 50 crianças, que estão nas filas dos nossos quatro cirurgiões pediátricos. Isso até o dia D da ação nacional, que ocorrerá no dia 4. Os pacientes já foram selecionados, conforme a fila existente no HU”, explicou o cirurgião Uirá Coury, chefe da Unidade de Cirurgia Geral do Hospital Universitário.

Segundo o cirurgião pediátrico Ewerton Franco de Souza, serão realizadas cirurgias de menor complexidade, em quadros como fimoses, hérnias umbilicais, hérnias epigástricas e hérnias inguinais. “Vamos operar crianças de 0 a 18 anos incompletos, que são pacientes da fila dos ambulatórios. Além dos cirurgiões pediátricos, o trabalho vai ter o auxílio de anestesistas, pediatras, enfermeiros, residentes, técnicos de enfermagem do HUAC e estudantes de medicina da UFCG”, explicou o especialista.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também