João Pessoa, 02 de dezembro de 2020 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
saúde em alerta

Covid-19: atendimento na Unimed supera ao pico do mês de maio

Comentários:
publicado em 02/12/2020 às 16h40
atualizado em 02/12/2020 às 15h04
A- A+

Nesta quarta-feira (02), o Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) publicou uma nota alertando a população, profissionais de saúde e gestores públicos sobre o crescimento de atendimentos a pacientes com suspeita de Covid-19, em João Pessoa. Na última semana, o Hospital da Unimed, na Capital paraibana, atendeu uma média de 189 pacientes por dia, com suspeita de infecção pelo novo coronavírus, no Pronto Atendimento da Unidade Gripal. Este número é 32% superior ao registrado no pico da pandemia, no final de maio, quando eram atendidos uma média de 143 pacientes por dia, com suspeita da doença.

“Estamos preocupados e receosos com o que pode acontecer daqui para frente. É preciso que todos tenham consciência que a pandemia não acabou, que o vírus continua circulando e, sem o respeito às normas sanitárias, poderemos ter uma situação mais grave do que a que enfrentamos no pico da pandemia, entre maio e junho”, ressaltou o presidente do CRM-PB, Roberto Magliano de Morais.

O crescimento do número de atendimentos na Unidade Gripal do hospital vem se refletindo na quantidade de pacientes internados. No dia 30 de novembro, as enfermarias Covid do Hospital da Unimed estavam com 71,6% de ocupação, enquanto que a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) estava com 80% de sua capacidade ocupada.

“Mesmo antes das eleições, o CRM-PB já vinha alertando sobre a necessidade de evitar aglomerações. O aumento expressivo de atendimentos nos hospitais particulares, em breve, será refletido nos hospitais públicos também. Alguns hospitais de referência já estão com capacidade acima de 70%, apesar da média geral de ocupação de leitos públicos do estado ainda estar em torno de 50%. Temos que estar alertas e preparados”, afirmou Roberto Magliano.

No último dia 19 de novembro, o CRM-PB apresentou aos Ministérios Públicos Federal, Estadual e do Trabalho um relatório em que mostrava a ocupação de leitos nos hospitais públicos da região metropolitana de João Pessoa. O levantamento, feito entre os dias 13 e 18 de novembro, mostrou que quatro hospitais públicos referência para o atendimento a pacientes com Covid na Grande João Pessoa estavam com as UTIs com ocupação superior a 70%.

MaisPB

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!