João Pessoa, 06 de agosto de 2020 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
planos de saúde

STF pede informações de lei paraibana sobre Covid

Comentários:
publicado em 06/08/2020 às 11h06
atualizado em 06/08/2020 às 09h49
A- A+

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, requisitou informações em ação direta de inconstitucionalidade que questiona a Lei 11.716 que proíbe as operadoras de planos de saúde na Paraíba de recusarem a prestação de serviços a pessoas suspeitas ou contaminadas pelo COVID-19 em razão de prazo de carência contratual.

As informações devem ser repassadas em até 10 dias. A ação foi protocolada pela União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde.

A entidade argumenta que cabe à União legislar sobre Direito Civil e Comercial. “A Lei ora impugnada provoca imediata violação de direitos pois impõe forma de conduta sob pena de imposição de sanções de natureza administrativa”, argumenta a entidade.

Além disso, a entidade ressalta que a Lei Estadual dá margem à propositura de ações contra as operadoras de saúde. “Nas quais é possível que sejam concedidas liminares e, ao fim, condenações em indenizações por danos morais/materiais”.

MaisPB

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!