João Pessoa, 03 de dezembro de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
NA ASSEMBLEIA

Estado apura ataque em celulares de deputados

Comentários:
publicado em 03/12/2019 às 11h39
atualizado em 03/12/2019 às 12h49

A Secretaria Estadual da Segurança e Defesa Social designou um delegado para apurar a clonagem de celulares de deputados estaduais paraibanos. A informação foi anunciada pelo líder do governo na Assembleia Legislativa, Ricardo Barbosa (PSB).

“O secretario de Segurança [Jean Nunes] está mandando um delegado aqui para que tenhamos a preocupação no sentido que novas vítimas não sejam feias nos próximos dias”, disse o socialista.

Barbosa, que é um dos sete parlamentares da Casa vítimas de hackers, pediu medidas de segurança para evitar novos ataques aos celulares dos membros da ALPB.

O parlamentar afirmou que através de uma consulta técnica feita por ele não pode ser descartada a participação de servidores da operadora de telefonia na clonagem dos telefones.

“O número de registro só muda com o consentimento pessoal. Tem que ir presencialmente  na loja, pegar um documento e tirar cópia para que o bandido dessa malandragem chegue a consumação dessa transferência.  O meu número quando abria, o chassi já não era o meu original, tinha transferido para outro. Isso só foi possível, segundo uma gerente da oi, com a conivência de um servidor da oi”, destacou.

Veja vídeo

Além de Barbosa, Cabo Gilberto (PSL), Branco Mendes (Podemos), Jane Panta (Progressistas), Lindofo Pires (Podemos), Walber Virgolino (Patriota), Trocolli Júnior (Podemos).

O último parlamentar a ter o celular clonado, o deputado Cabo Gilberto, acredita que a ação esteja sendo orquestrada por uma organização criminosa sofisticada.

Veja vídeo

Roberto Targino – MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também