João Pessoa, 22 de julho de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Em João Pessoa

ONG discute tratamentos para pessoas autistas

Comentários:
publicado em 22/07/2019 às 11h29

Alternativas de tratamento médico e terapêutico para pessoas com o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) estarão em debate no I Seminário ‘Autismo: Novas Abordagens’, que acontecerá no dia 4 de agosto. O evento é uma realização do Instituto Revertendo o Autismo (IRA) e será realizado no Espaço Cultural, em João Pessoa. Toda a renda do projeto será revertida para manter os serviços e atividades prestados pela Organização Não-Governamental (ONG), sediada em Cabedelo.

O ‘I Seminário Autismo: Novas Abordagens’ contará com palestras e debates de profissionais renomados para discutir novas formas para compreender e repensar o TEA e sua terapêutica. Entre os temas discutidos estão a relação entre nutrição e o autismo, intolerâncias alimentares, perspectivas terapêuticas do uso de derivados medicinais da Cannabis, como o canabidiol, e outros fitocanabidióides na terapêutica das comorbidades do TEA.

“O ano passado fizemos um Seminário com especialistas que debateram os novos estudos e pesquisas científicas sobre o autismo, que é exatamente o mesmo entendimento que o IRA tem em relação à terapêutica do TEA, e percebemos que foi extremamente salutar para os profissionais e especialmente para as famílias de pessoas com TEA, por isso decidimos dar continuidade à iniciativa. Várias mães e pais foram tocados pelas informações e isso transformou qualitativamente a vida de seus filhos e filhas com autismo”, diz Moisés Anton, diretor do Instituto Revertendo o Autismo.

As inscrições para participar do evento estão abertas e devem ser feitas clicando aqui (https://www.sympla.com.br/i-seminario-autismo-novas-abordagens__566720). Podem participar profissionais da área de saúde, educação e o público em geral. No caso dos profissionais e do público em geral será cobrada uma taxa de R$ 120. Já estudantes pagam R$60,00. Para os familiares de pessoas no espectro autista (mães e pais) pagarão uma taxa de R$ 100. O evento terá certificação de 10 horas e será realizado na Sala de Concertos Maestro José Siqueira, no Espaço Cultural, na Capital, das 8h às 18h.

Os palestrantes

Em João Pessoa, o ‘I Seminário Autismo: Novas Abordagens’ terá a presença da Dra. Tielle Machado, médica formada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Iniciou uma jornada pessoal após o diagnóstico de autismo do seu filho e em busca de uma resposta retornou com uma nova visão da medicina, dos tratamentos e de estilo de vida. Sua palestra tem o título “Quando o intestino inflama, o cérebro grita”.

Dr. Lúcio Lemos, Biólogo e especialista em Análises Clínicas e Parasitologia, professor de Pós-Graduação em Nutriendocrinologia Funcional , com a palestra “A importância da detecção correta das intolerâncias alimentares mediadas por IgG”.

Dr. Renato Malcher, doutor em Neurociências pela Tulane University – Nova Orleans, EUA, especialização em neurofisiologia celular na École Polytechnique Fédérale de Lausanne – Suiça e professor e pesquisador no Laboratório de Neurobiologia e Comportamento da Universidade de Brasília (UnB), membro International Centre for Science in Drug Policy (ICSDP) e pai de uma criança com autismo. A Palestra de Dr. Renato se chama “Canabinoides e Autismo: etiologia, diagnóstico e tratamento”.

Dra. Simone Gusso, fisioterapeuta integrativa, ozonioterapeuta, neuromoduladora clínica pela Universidade de Pernambuco (UFPE) e mãe de um rapaz autista, com a palestra “Do diagnóstico às infinitas possibilidades terapêuticas”.

O IRA

Fundado em 2015, o Instituto Revertendo o Autismo (IRA) é uma Organização Não-Governamental  que funciona em Cabedelo, região Metropolitana de João Pessoa, e atende gratuitamente crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro Autista. Além disso, os profissionais que atuam no Instituto oferecem apoio às mães e familiares dos beneficiados.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também