João Pessoa, 10 de maio de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
hotéis e locadoras

Falso deputado é preso por aplicar golpes

Comentários:
publicado em 10/05/2019 às 18h45
atualizado em 11/05/2019 às 09h04

Um homem que se apresentava como empresário e deputado para aplicar golpes em hotéis e locadoras de veículos foi preso, nesta sexta-feira (10), em Campina Grande. Ele é investigado por crimes de estelionato nas cidades paraibanas de Mari, Pilõezinhos, Guarabira e no Estado do Rio do Janeiro, onde chegou a ser preso.

Ernando Jerônimo da Costa, de 22 anos, foi preso durante uma ação que mobilizou policiais de três delegacias. Participaram dos trabalhos equipes da Delegacia de Guarabira, da Delegacia Seccional de Campina Grande e da Delegacia de Defraudações e Falsificações de Campina Grande.

Segundo o delegado Pedro Ivo Bezerra, o suspeito foi preso no momento em que se hospedava em um hotel na cidade de Campina Grande. Os policiais precisaram vigiar o local para evitar a fuga do criminoso, mas não houve resistência. Ernando já era considerado um fugitivo da Justiça, contra ele havia um mandado de prisão preventiva decretado pela Comarca de Alagoa Grande.

“Ele é um criminoso reiterado. Ostenta em redes sociais, se passando por empresário bem sucedido, para alugar carro caro e se apropria do veículo e dar golpes em vítimas. Em uma de suas ações, Ernando chegou a se apresentar como deputado e se hospedou em um hotel de luxo, onde fez dívida e não pagou”, completou o delegado. Segundo investigações, Ernando teria praticado um golpe até contra uma idosa, moradora da cidade de Guarabira. O caso foi denunciado à polícia que pediu a prisão preventiva de Ernando.

A polícia acredita que outras pessoas também possam ter sido vítimas de Ernando. “O preso vem sendo investigado pela prática de crimes similares em outras cidade paraibanas”, acrescentou Pedro Ivo.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também