João Pessoa, 18 de fevereiro de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
aplicação de verbas

MPF investiga prefeito afastado de Patos

Comentários:
publicado em 18/02/2019 às 15h54
atualizado em 18/02/2019 às 18h07
A- A+

O Ministério Público Federal na Paraíba (MPF-PB) instaurou inquérito para apurar possíveis irregularidades na aplicação das verbas de contemplação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF) na atual gestão da Prefeitura de Patos.

A portaria, assinada pelo procurador Djalma Gusmão, foi publicada na edição desta segunda-feira (18). De acordo com o texto, a investigação apura suposta prática de improbidade administrativa. Apesar de na portaria constar que  a investigação é contra o atual gestor, o MPF informou que o inquérito tem como alvo o prefeito afastado da cidade Dinaldo Wanderley Filho (PSDB).

Atualmente a Prefeitura é administrada por Bonifácio Rocha (PPS), que assumiu o comando do município após Dinaldinho Wanderley ser afastado pela Justiça.

*O Portal MaisPB errou ao noticiar que a investigação tinha como alvo o prefeito interino da cidade, Bonifácio Rocha (PPS). 

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também