João Pessoa, 10 de setembro de 2021 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Clara Velloso Borges é poeta, escritora e professora de Literatura, com graduação em Letras pela Universidade Federal da Paraíba. É também concluinte do bacharelado em Direito. E-mail: claravellosob@gmail.com

Uma coluna sobre uma coluna

Comentários:
publicado em 10/09/2021 às 07h34
A- A+

No imaginário popular, Romeu e Julieta, personagens shakespearianos, firmaram-se como expoentes máximos do amor na Literatura. Entretanto, ao imergir na peça teatral, cabe questionar: eles merecem tal posição? Afinal, os apaixonados eram adolescentes emocionados, que por pouco tempo realmente cultivaram seus afetos. Inobstante, a paixão que os move é literalmente fulminante, já que acabam mortos.

Hoje, com maior aceitação das diversas formas de amar, novos textos insurgem para abraçá-las. É o caso da coluna Modern Love, do New York Times. Semanalmente, o jornal impresso mais conhecido do mundo publica uma história real, enviada por algum leitor que viveu uma história de carinho. Desde 2004, quando o jornal abriu esse espaço, já foram editadas histórias de amor entre mães e filhas, namorados, colegas, cônjuges e melhores amigas, formando um belo mosaico afetivo.

Entre as minhas histórias preferidas, está a de uma esposa que escreve sobre seu marido, um professor com nenhum conhecimento musical, mas decidido a virar uma estrela do rock na meia idade. Também está a de duas jovens que se apaixonaram e encontraram uma igreja onde foram acolhidas e podiam cultivar a fé. Fiquei comovida com a história de uma mãe que odeia os Beatles, porque perdeu a filha, com quem compartilhava uma paixão pela banda. Espantou-me o texto em que uma mulher afirmou amar mais o marido do que os quatro filhos – provando que, de fato, há mais formas de amar do que posso compreender.

Meu texto é essencialmente uma coluna sobre uma coluna, da forma mais metalinguística possível. Entretanto, Modern Love (foto) deixou de ser apenas uma publicação no jornal para tornar-se uma proposta multimídia. A editora Rocco, em 2020, lançou um livro com uma seleção de textos publicados no NYT e traduzidos para o português. Além disso, existe também uma newsletter, que envia uma nova coluna de Modern Love toda sexta-feira para o e-mail dos interessados.

Por sua vez, o podcast Modern Love convida artistas e anônimos para a leitura dos textos. Até o hilário ator Terry Crews já emprestou sua voz a um dos podcasts. Ainda, vale ressaltar a beleza e a sensibilidade da série Modern Love. Suas duas temporadas estão disponíveis no Amazon Prime Video e a cada episódio, adaptam um relato para a televisão. Se existe uma forma de amar para cada pessoa, existe também um formato de Modern Love para cada um.

* Os textos dos colunistas e blogueiros não refletem, necessariamente, a opinião do Portal MaisPB

MaisTV

Polícia investiga homicídio de gêmeos e bebê na PB

EM ITABAIANA - 08/12/2021

Opinião

Paraíba

Brasil

Fama

mais lidas