João Pessoa, 02 de fevereiro de 2021 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
abertura no legislativo

Em mensagem à ALPB, João critica ‘mitos de barro’

Comentários:
publicado em 02/02/2021 às 10h36
atualizado em 02/02/2021 às 14h52
A- A+
Foto: Reprodução

Na mensagem que levou à Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), na manhã desta terça-feira (02), o governador João Azevêdo (Cidadania) destacou as ações da gestão diante da pandemia de Covid-19 no “tenebroso 2020”. No discurso, feito de modo virtual, Azevêdo criticou a vaidade e inércia de alguns e salientou que a Paraíba está em situação melhor do que a maior parte dos estados, apesar das dificuldades.

João lembrou o ano repleto de sacrifícios e dor “deixando pessoas em permanente estado de alerta”. O governador pediu um minuto de silêncio em memória das vítimas da covid-19 na Paraíba e no país, criticou a “inércia de poucos” e os “desdém governamentais” e lembrou que “a luta é contínua”. “Façamos isso pelos sobreviventes e aos que sucumbiram na batalha”.

Definindo o momento atual como sombrio, o governador destacou as medidas para combater a pandemia e frisou que não há espaço para “inconsequentes, aventureiros, oportunistas travestidos de benfeitores, heróis ou mitos de barro” ou comportamentos “narcisistas de gestores de plantão”, sem nomear para quem seriam as críticas.

Em relação ao estado, Azevêdo detalhou investimentos em área como infraestrutura, geração de empregos, educação e saúde, que recebeu boa parte dos recursos para o combate à proliferação do novo coronavírus.

“Cumprimos o dever de casa com a responsabilidade intrínseca à governabilidade em momentos de emergência”, disse o governador, ressaltando que a situação da Paraíba é melhor do que a realidade poderia impor. “Nosso PIB é um dos melhores do Nordeste”, celebrou. Em outro momento, João acrescentou que “tivemos necessidades, mas mantivemos nossa dignidade”. “A Paraíba segue em frente e continua sendo de todos, sempre”, finalizou.

MaisPB

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!