João Pessoa, 20 de fevereiro de 2020 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
habeas corpus

STJ manda soltar presos na Operação Calvário

Comentários:
publicado em 20/02/2020 às 17h19
atualizado em 21/02/2020 às 03h40
A- A+

Além de Coriolano Coutinho, irmão do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), a ministra Laurita Vaz, relatora da Operação Calvário no Superior Tribunal de Justiça (STJ), mandou soltar nesta quinta-feira (20) Bruno Miguel Teixeira de Avelar Pereira Caldas, Márcio Nogueira Vignoli e Hilário Ananias Queiroz Nogueira.

A soltura de ambos é resultado do pedido de extensão da decisão do STJ em manter livre o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

Teixeira é ligado ao ex-secretário de Planejamento do Estado, Waldson de Souza, e é apontado como responsável por empresas de fachada e pela coleta e distribuição de propina na organização criminosa denunciada pelo Ministério Público da Paraíba. Já Nogueira e Ananias são responsáveis pela empresa Conesul Comercial e Tecnologia Educacional Eireli.

Eles foram presos no dia 17 de dezembro do ano passado na sétima fase da Operação Calvário, a mesma que prendeu o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

Maurílio Júnior e Wallison Bezerra – MaisPB