João Pessoa, 15 de novembro de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
saída do PSB

Vice-líder diz que João Azevêdo terá novo partido

Comentários:
publicado em 15/11/2019 às 17h26
atualizado em 16/11/2019 às 09h14
Lindolfo Pires - Foto: Ascom/ALPB

Vice-líder do governo na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), deputado Lindolfo Pires (Podemos), tratou a saída do governador João Azevêdo da comissão provisória que gere o PSB na Paraíba como último passo do ainda socialista para deixar o partido.

“Acredito que sim [João Azevêdo sairá do partido]. Ele fez logicamente no intuito de procurar outra alternativa. Tudo leva a crer que deve se confirmar a sua saída e o governador procurará novos caminhos partidários a partir do próximo ano”, afirmou o parlamentar.

Além de João, o senador Veneziano Vital e o secretário Chefe de Governo e ex-presidente da legenda, Edvaldo Rosas, também deixaram a comissão que é presidida pelo ex-governador Ricardo Coutinho.

Desde a nomeação de Edvaldo Rosas para Secretaria Chefe de Governo, em agosto, o PSB atravessa uma forte crise interna.

No dia 16 daquele mês, a direção nacional do PSB anunciou a decisão de nomear uma comissão provisória para o partido na Paraíba depois que integrantes do diretório estadual ligados a Coutinho iniciaram movimento de renúncias, provocando a destituição do atual presidente, Edvaldo Rosas, e uma nova eleição na legenda, um ano antes do fim mandato.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também