João Pessoa, 12 de novembro de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Ao Portal MaisPB

Declaração de Bolsonaro repercute nacionalmente

Comentários:
publicado em 12/11/2019 às 07h19
atualizado em 12/11/2019 às 11h44
Foto: Reprodução/Youtube

A entrevista do Portal MaisPB com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), na manhã desta segunda-feira (11), em Campina Grande, foi notícia na TV Bandeirantes e nos principais veículos de comunicação do país na internet.

Bolsonaro disse que não iria polemizar com o ex-presidente Lula, libertado da última sexta-feira (08), após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que beneficiou condenados em segunda instância.

“Não vou polemizar com condenado”, disse o gestor após ser indagado pelo repórter Maurílio Júnior.

Bolsonaro também não quis falar sobre a PEC que vai analisar a prisão em segunda instância no Congresso Nacional. “Eu não voto e o parlamento tem completa independência”.

No consagrado Jornal da Band, a emissora paulista destacou que o presidente não quis comentar sobre a PEC da prisão na 2ª instância (veja o vídeo abaixo). Mais cedo, a reunião sobre o tema na Comissão de Constituição e Justiça na Câmara foi adiada por falta de quórum.

O site ‘O Antagonista’ manchetou: “Eu não voto”, diz Bolsonaro, sobre propostas de prisão na 2ª instância.

Já o maior jornal do país, Folha de S. Paulo noticiou da seguinte forma: “Um dia depois de atacar Lula, Bolsonaro diz que não vai polemizar com o petista”.

O Gazeta do Povo, do Paraná, repercutiu assim: “Bolsonaro diz que Congresso é independente para aprovar PEC da 2ª instância”.

O pernambucano Jornal do Commercio disse: “Em visita à Campina Grande, Bolsonaro diz que não quer polemizar e que ‘Lula é condenado'”.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também