João Pessoa, 17 de agosto de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
fraudes

Casal preso é suspeito de chefiar agiotagem

Comentários:
publicado em 17/08/2017 às 11h42
atualizado em 17/08/2017 às 13h06

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Defraudações e Falsificações, apreendeu, na manhã desta quinta-feira (17), cerca de R$ 1,2 milhões pertencentes a Sandra Helena Fonseca e Antônio Augusto, presos na última terça-feira (15), sob a suspeita de aplicar fraude no de R$ 1,5 milhões.

A Justiça havia determinado, durante uma audiência de custódia nessa quarta-feira (16), o pagamento de fiança no valor de R$ 43 mil, porém o casal continuava preso na carceragem.

Devido a apreensão, os suspeitos acabaram sendo presos novamente hoje pela manhã, sob o crime de lavagem de dinheiro e agiotagem.

Durante o flagrante na casa do casal, os agentes encontraram 250 cheques bancários no valor de R$ 800 mil, talões de notas promissórias no valor de R$ 400 mil e aproximadamente R$ 50 mil em espécie.

De acordo com a polícia, a dupla é apontada como responsável pela agiotagem na Região Metropolitana de João Pessoa, além de envolvimento com negociação de veículos e imóveis.

Sandra e Antônio Augusto serão apresentados novamente à audiência de custódia. Segundo a DDF eles respondem a processo por homicídio, relacionado a cobrança de dívidas com agiotagem.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também