João Pessoa, 21 de junho de 2022 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
investigação

Congresso começa a colher assinaturas para CPI da Petrobras

Comentários:
publicado em 21/06/2022 às 07h52
A- A+
Fachada da sede da Petrobras no Rio de Janeiro — Foto: Agência Petrobras / Stéferson Faria

O presidente Jair Bolsonaro (PL) está insistindo na instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a Petrobras e os aumentos no combustível adotados pela estatal. O chefe do Executivo afirmou a apoiadores nesta segunda-feira (20) que é favorável a apurar a conduta de dirigentes da empresa petrolífera, mesmo tendo sido ele mesmo o responsável por indicá-los ao cargo.

“Eu estou acertando uma CPI na Petrobras. ‘Ah, você que indicou o presidente’. Sim, mas quero CPI, ué, por que não? Investiga o cara, pô. Se não der em nada, tudo bem. Mas os preços da Petrobras são um abuso”, disse em conversa com simpatizantes, conforme informações da Folha de São Paulo.

Também nesta segunda, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), havia afirmado que o líder do PL está recolhendo assinatura para tentar abrir uma comissão parlamentar de inquérito para investigar a Petrobras. O deputado recebeu por algumas horas desde o fim da tarde os líderes das principais bancadas da Câmara, para tratar da possibilidade de uma CPI para investigar os diretores da Petrobras.

Lira cobrou do governo federal e do Ministério da Economia que se envolvam mais diretamente nas discussões. Pediu, por exemplo, que o governo resolva algumas questões infraconstitucionais por meio de medidas provisórias que alterem, por exemplo a Lei das Estatais, e que têm aplicação imediata, em vez de aguardar a tramitação de projetos de lei.

“Há o sentimento quase que unânime, se não quiser dizer unânime, por parte de todos os líderes que participaram dessa reunião, que o Ministério da Economia, o governo federal tem que se envolver diretamente nessas discussões, participar mais de perto dessas discussões e atuar mais de perto nessas discussões”, afirmou.

O presidente da Petrobras renunciou na manhã desta segunda, após o governo de Jair Bolsonaro (PL) intensificar no fim de semana a pressão sobre o executivo.

MaisPB

MaisTV

Prefeito detalha vocações que destacam Taperoá na Paraíba

vídeo - 23/06/2022

Opinião

Paraíba

Brasil

Fama

mais lidas