João Pessoa, 14 de janeiro de 2022 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
CORRETORA

Creci-PB se solidariza com vítima de falsos clientes

Comentários:
publicado em 14/01/2022 às 18h25
atualizado em 14/01/2022 às 15h27
A- A+

O presidente do Creci-PB, Ubirajara Marques e a presidente da Comissão das Mulheres de João Pessoa, Ana Célia, se solidarizaram e ofereceram toda a ajuda necessária à corretora de imóveis Patrícia Lopes, que foi vítima esta semana de assalto mediante violência e grave ameaça praticado por falso cliente.

Ao atender a uma pretensa cliente interessada em alugar um apartamento no bairro dos Bancários, em João Pessoa, Patrícia foi surpreendida no interior do imóvel por um comparsa da criminosa, que de forma agressiva e armado de faca, tomou seu aparelho celular, exigiu transferências bancárias por PIX e diante de travamento do aplicativo, ameaçou-lhe cortar a dedo, deu-lhe empurrões e manteve-a por seis horas em cárcere privado.

Os fatos foram relatados por ela na rede social Instagram e compartilhados através de mensagem em grupos de WhatsApp.

Indignado, Bira, como é mais conhecido, lamentou o fato e disponibilizou orientação e apoio, através do setor jurídico do Conselho. Também solidária, Ana Célia destacou a importância de quando dessas visitas (nunca à noite) as corretoras ativarem a localização do Google e deixar com uma pessoa de sua confiança o trajeto a ser feito com o cliente, nunca acompanhá-lo no seu veículo.

Ela acrescentou que outras medidas de segurança vêm sendo discutidas, a exemplo da elaboração de uma Cartilha, a ser distribuída no Curso preparatório à profissão, criação de um canal de denúncia junto à Delegacia da Mulher e um botão de pânico nos estandes de vendas e imobiliárias.

MaisPB