João Pessoa, 07 de junho de 2021 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
resposta

TCU desmente Bolsonaro e nega relatório sobre Covid

Comentários:
publicado em 07/06/2021 às 18h04
atualizado em 08/06/2021 às 08h51
A- A+
O presidente Jair Bolsonaro, fala à imprensa no Palácio da Alvorada (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

O Tribunal de Contas da União (TCU) negou a existência de qualquer relatório do órgão que tenha apontado que cerca de 50% dos óbitos por Covid-19 no ano passado não foram causados pela doença. A afirmativa é uma resposta à declaração do presidente Jair Bolsonaro.

“O TCU esclarece que não há informações em relatórios do tribunal que apontem que “em torno de 50% dos óbitos por Covid no ano passado não foram por Covid”, conforme afirmação do Presidente Jair Bolsonaro divulgada hoje”, diz postagem feita nas redes sociais do órgão de controle.

Nesta segunda-feira (7) Bolsonaro declarou a apoiadores, na saída do Palácio da Alvorada, que um relatório do TCU revelou que 50% das mortes registradas por covid-19 no Brasil tiveram outro motivo.

“Não é meu. É do tal do TCU, questionando o número de óbitos no ano passado por covid. E ali, o relatório final, não é conclusivo, mas disse que em torno de 50% dos óbitos por covid no ano passado não foram por covid, segundo o Tribunal de Contas da União”, disse, afirmando que divulgaria o relatório hoje.

“Esse relatório saiu há alguns dias. Logicamente que a imprensa não vai divulgar. Já passei para três jornalistas com quem eu converso e devo divulgar hoje à tarde. E como é do TCU, ninguém queira me criticar por causa disso. Isso aí muita gente suspeitava. Muitos vídeos que vocês viram de Whatsapp, etc, de pessoas reclamando que o ente querido não faleceu daquilo. Está muito bem fundamentado, todo mundo vai entender, só jornalista não vai entender. O resto, todo mundo vai entender”, acrescentou.

MaisPB