João Pessoa, 15 de setembro de 2020 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
saúde pública

Lotação ameaça atendimento no Edson Ramalho

Comentários:
publicado em 15/09/2020 às 18h58
atualizado em 15/09/2020 às 16h42
A- A+

O Hospital Edson Ramalho, em João Pessoa, poderá suspender o atendimento clínico a partir da próxima semana. De acordo com o Conselho Regional de Medicina (CRM-PB), a diretoria informou sobre a superlotação da unidade e que, por este motivo, os atendimentos estarão suspensos a partir do dia 21 de setembro.

Antes da pandemia, o hospital atendia uma média de 1,6 mil pacientes por mês e que, atualmente, esse número aumentou para 4 mil atendimentos mensais.

Na nota técnica, a unidade de saúde diz que “diante da diminuição dos casos de Covid-19, as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) já deveriam iniciar o atendimento aos pacientes com outras enfermidades”.

Segundo o documento, há cerca de 50 pacientes internados aguardando vagas no hospital ou em outra instituição de saúde. Com a pandemia, o número de atendimentos da unidade mais que dobrou, ficando acima da capacidade de atendimento do hospital.

Ao Portal MaisPB, a direção do Edson Ramalho afirmou que espera uma reunião com a Prefeitura de João Pessoa para tratar sobre o assunto.

“A respeito da previsão de suspensão dos atendimentos, o Diretor Técnico do Hospital Edson Ramalho informa que será realizada uma reunião na próxima quarta-feira (16) com o Secretario de Saúde do Município, Adalberto Fulgêncio, para tratar sobre a distribuição desse fluxo de atendimentos clínicos. Somente após definições dessa conversa é que será informada a decisão sobre os atendimentos clínicos, ou seja, pacientes de classificação verde”, disse a unidade hospitalar em nota.

MaisPB

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!