João Pessoa, 12 de outubro de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
homicídio

Suspeito atraiu empresário para encontro

Comentários:
publicado em 12/10/2019 às 09h57
atualizado em 12/10/2019 às 17h51

Foi preso, neste sábado (12), um homem suspeito de matar o empresário Aldeone Antunes, que foi encontrado em seu apartamento no dia 17 de setembro, no bairro João Paulo II. Antes do crime, vítima e suspeito beberam juntos em um bar.

De acordo com o delegado Braz Morrone, titular da delegacia de Crimes contra o Patrimônio, Aldeone e o homem saíram para beber e depois foram até o apartamento dele, onde lá, a vítima foi assassinada. Ao Portal MaisPB, o delegado informou que o homem confessou o crime e alegou que o objetivo era roubar o empresário.

“Ele chamou a vítima para sair, eles foram para um bar, beberam e foram para o apartamento. Eles continuaram a beber e quando Aldeone dormiu, o suspeito deu um tiro na cabeça dele”, detalhou o delegado, que disse que o suspeito admitiu ter esperado a vítima dormir para atirar.

Apesar do envolvimento amoroso ter sido investigado, o suspeito negou ter tido relação sexual com a vítima. Conforme Braz Marrone, o homem apenas convidou o empresário para ‘atraí-lo’ e cometer o crime de roubo.

Foto para amigos

O que fez com que a polícia chegasse até o suspeito foi uma foto que Aldeone mandou para amigos em que mostrava o homem, indicando que sairia com ele naquela noite. O delegado conta que a vítima tinha planos de se relacionar com o assassino e compartilhou isso com os amigos, além de mandar fotos de garrafas, indicando que eles estavam bebendo juntos.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também