João Pessoa, 29 de fevereiro de 2016 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
IMAGENS FORTES

Trem da CBTU bate em ônibus, mata 4 e deixa vários feridos

Comentários:
publicado em 29/02/2016 às 16h14
atualizado em 29/02/2016 às 22h06
A- A+

Um acidente entre um trem da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e um ônibus deixou três mulheres mortas e várias  pessoas  feridas na tarde desta segunda-feira (29) próximo à estação da CBTU do bairro de Várzea Nova, em Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa. Uma quarta vítima morreu no começo da noite, segundo informou o Hospital de Trauma Senador Humberto Lucena.

Várias viaturas do Samu, Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar se dirigiram até o local para socorrer os feridos.  As vítimas  foram levadas para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, de João Pessoa.

O diretor do Trauma, Edvan Benevides disse em entrevista ao programa 60 Minutos, na Rádio Arapuan FM, que 10 pessoas deram  entrada no hospital, sendo cinco delas em estado gravíssimo.

Diante a gravidade do fato, o governador Ricardo Coutinho,  informou, através do secretário de Comunicação Luís Tôrres, sua ida até o Trauma acompanhar de perto o atendimento as vítimas e seus parentes.

Cenas fortes circulam nas redes sociais. Em uma delas é possível ver uma mulher decapitada.

Veja vídeo da tragédia

Várias pessoas ficaram feridas durante a colisão (imagens: Santa Rita Verdade)

Mesmo afirmando que o trem tem prioridade  na linha férrea, a CBTU informou em contato com Portal MaisPB que  abrirá uma sindicância para apurar o que tenha motivado a tragédia. Nenhum passageiros do trem ficou ferido no acidente.

Já o representante da viação Santa Rita, Luiz Carlos, lamentou a tragédia e disse que a empresa está solidária com as famílias das vítimas e garantiu todo apoio necessário aos órgãos para investigar o acidente.

Os corpos  das vítimas foram removidos para a Gerência de Medicina e Odontologia Legal (Gemol), no bairro de Cristo Redentor, em João Pessoa. Uma delas foi identificada  como Josefa de Lima Silva, 52 anos. Ela foi reconhecida pelo esposo que passou mal e foi socorrido. Josefa de Lima estava voltando de João Pessoa onde teria ido dar entrada no seguro desemprego.

MaisPB 

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!