João Pessoa, 24 de setembro de 2021 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
cabos de energia roubados

Grupo deixa orla de João Pessoa às escuras

Comentários:
publicado em 24/09/2021 às 19h04
atualizado em 24/09/2021 às 17h00
A- A+

Mais uma ação de criminosos envolvendo tentativa de furto de cabos prejudicou a iluminação em um trecho da orla do Cabo Branco. A tentativa de furto, em plena luz do dia, foi registrada nesta sexta-feira (24), quando um homem foi flagrado cortando cerca de 150 a 200 metros de cabos.

O suspeito conseguiu fugir sem levar o material, mas o trecho, próximo ao Bar do Cuscuz, vai ficar com a iluminação prejudicada até a reposição dos cabos cortados. A Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) pede ajuda da população no combate ao furto de cabos, orientando que quem perceber algo suspeito acione a Polícia Militar no 190.

De acordo com Joyce Alves, diretora da Divisão de Iluminação Pública (Dilup) da Seinfra, de março até setembro desse ano já foram furtados mais de 8 mil metros de cabos de energia em praças, ruas e avenidas de João Pessoa. O prejuízo passa dos R$ 200 mil. “Pelo menos uma vez por semana a gente detecta uma praça ou uma avenida que teve a cabeação furtada”, disse.

Entre os pontos estão Avenida Beira Rio, Parque Parahyba II (Bessa), Praças Sílvio Porto (Manaíra), Praça Alcides Carneiro (Manaíra), Praça do Skate (Manaíra) e praças no bairro dos Bancários. Além dos cabos, os ladrões também roubam medidores, contatores e outros acessórios que compreendem a iluminação pública.

O restabelecimento da iluminação está sendo feita aos poucos pela Seinfra, uma vez que a quantidade do material furtado é bem maior do existente no estoque, sendo necessária a realização de licitação para compra de novo material.

O foco dos criminosos é o cabo de cobre, que, inclusive, ficam aterrados. Mesmo assim eles conseguem furtar o material. Além do dano material, há o prejuízo com os apagões, gerando insegurança para a população.

Todos os furtos, inclusive a tentativa de hoje, foram denunciados à Polícia Civil, onde foram feitos vários boletins de ocorrência. O caso está sob investigação.

MaisPB

MaisTV

Prioridade é eleger Aguinaldo para o Senado, diz Ciro Nogueira

VÍDEO - 20/10/2021

Opinião

Paraíba

Brasil

Fama

mais lidas