João Pessoa, 20 de janeiro de 2021 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
superlotação

Semob cobra ação de empresas de ônibus de JP

Comentários:
publicado em 20/01/2021 às 13h30
atualizado em 20/01/2021 às 10h45
A- A+
Imagem da linha 502 (Tambaú) com ônibus lotado (Foto do Leitor)

A Superintendência de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP) vai se reunir com as empresas detentoras da concessão pública do transporte de passageiros para “cobrar” o cumprimento de medidas para evitar a propagação do novo coronavírus, principalmente nos horários de pico.

No último sábado (16), o Portal MaisPB e o programa Hora H, da Rede Mais Rádio, denunciaram a superlotação nos ônibus da Capital. Ontem, o procurador do Trabalho, Eduardo Varandas, encaminhou um ofício à Procuradoria-Geral do Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT) solicitando a abertura de um inquérito para investigar os riscos aos trabalhadores do transporte público, como motoristas, em meio à pandemia do novo coronavírus.

Ao Portal MaisPB, o superintendente da Semob, George Morais, informou que as empresas asseguraram que estão cumprindo ações para evitar o contágio da Covid-19, mas, mesmo assim, vai “cobrar” a solução dos problemas apontados.

“Nós vamos nos reunir com as empresas. Nós buscaremos as melhorias nos horários de pico, com foco em algumas linhas em horários específicos. Além da obrigatoriedade para que elas [empresas] façam as melhorias necessárias para evitar essa concentração de pessoas, buscando o maior número de viagens, por exemplo”, disse.

MaisPB

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!