João Pessoa, 26 de fevereiro de 2020 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
apoio a protestos

‘Bolsonaro aprofundou crise’, diz líder do PT

Comentários:
publicado em 26/02/2020 às 19h23
atualizado em 27/02/2020 às 03h34
A- A+

A bancada do Partido dos Trabalhadores na Câmara Federal se reunirá, na próximas segunda-feira (2), com a presidente da legenda, deputada Gleisi Hoffmann, para tratar sobre vídeo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), convocando ato contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF).

Em entrevista ao programa Hora H, encabeçado em João Pessoa pela Rádio POP FM 89.3 e retransmitido para outras 13 emissoras da Paraíba, além de todas as plataformas digitais, o petista disse que o setor jurídico do PT já está sendo consultado para saber quais as medidas que poderão ser tomadas contra o gestor.

“Ele com isso aprofundou uma crise que já estava construindo desde a sua posse. Uma crise que extrapola agora o cenário da oposição. Porque agora ele defende um todo brasileiro que defende a democracia e a Constituição. Isso está sendo irradiado no país de uma forma assustadora”, argumentou.

Para o petista, a fala de Bolsonaro também não foi surpresa diante de suas atitudes desde que assumiu o mandato.

“Bolsonaro desde quando assumiu frequentemente desrespeita a democracia brasileira. tanto defendendo a ditadura militar, torturadores e as minorias.Tudo aquilo que a constituição cidadã defende”, afirmou.

Diante disso, o parlamentar não descarta um pedido de impeachment do presidente da República.

“Vamos analisar juridicamente o que está sendo feito para tomar uma decisão. Não estamos dizendo que vamos pedir o impeachment, mas isso não está descartado”, afirmou o parlamentar.

Confira entrevista na íntegra

MaisPB