João Pessoa, 09 de outubro de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
maistv

Governista aposta em saída de secretários

Comentários:
publicado em 09/10/2019 às 10h30
atualizado em 09/10/2019 às 12h06
Trocolli Junior - Foto: divulgação/ALPB

O deputado de situação Trócolli Júnior (Podemos) defendeu, na manhã desta quarta-feira (9), o governo João Azevêdo de mais uma fase da Operação Calvário, que investiga desvio de recursos na administração pública do estado.

Para o parlamentar, o gestor não pode ser responsabilizado por atitudes de auxiliares na gestão anterior de Ricardo Coutinho (PSB).

“Quem tiver alguma coisa a pagar, vai pagar. O governo de João Azevêdo não tem responsabilidade de atitudes anteriores de auxiliares”, disse.

Trócolli aposta que o governador João Azevêdo substituirá os secretários Ivan Burity (Executivo-Turismo) e Aléssio Trindade (Educação), alvos de mandados de prisão e de busca e apreensão, respectivamente.

“Isso é uma coisa que o governo vai fazer o que tem feito. Na minha opinião, vai ter uma substituição necessária e o governo continuará trabalhando”, afirmou.

A prisão de Burity é a segunda de um secretário da gestão estadual em menos de dez meses. Em março, a então secretária de Administração, Livânia Farias, foi presa e posteriormente exonerada do cargo.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também