João Pessoa, 20 de setembro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Circuito em João Pessoa

Paraibano sonha com mundial de Beach Tennis

Comentários:
publicado em 20/09/2018 às 13h08
atualizado em 20/09/2018 às 14h04
A- A+

O paraibano Airton Rodrigues sentiu o gostinho de quase chegar à decisão em 2017 da etapa do Circuito Mundial de Beach Tennis em casa, mas foi eliminado na semifinal. Desta vez, ele vai ter uma nova chance a partir desta sexta-feira e espera ser campeão pela primeira vez nas areias do Busto de Tamandaré, na divisa das praias de Tambaú e Cabo Branco. Pelo terceiro ano seguido, a cidade sedia a competição, intitulada de João Pessoa Open, e que é válida pela ITF (Federação Internacional de Tênis).

“Sempre bom jogar em casa com família e amigos acompanhando. No ano passado fui para semifinal e neste ano espero deixar esse título aqui”, disse Airton Rodrigues.

Ele é o tenista da Paraíba melhor colocado no ranking da ITF. Airton ocupa a 7ª colocação do Brasil e no mundo é o número 60. Uma vitória em João Pessoa pode ajudá-lo a subir de posição.

“É muito importante, muito gratificante. Isso é fruto de muito trabalho e muita dedicação. Espero chegar mais longe ainda e continuar subindo sempre no ranking”, projetou Airton, que venceu no ano passado uma das etapas mais esperadas do Circuito Mundial: o Aruba Open, em Aruba, uma ilha do Caribe.

Paralelo a função de jogador, Airton – que começou no tênis por causa do pai antes de migrar para as areias – também ajuda a formar novos talentos dando aula no Clube Cabo Branco, na capital paraibana.

“Adoro trabalhar com beach tennis, sempre gostei de ministrar aulas e isso se torna fantástico. Por aqui temos a oportunidade de ter novos atletas e, quem sabe, despontar para o mundo todo”, concluiu.

O João Pessoa Open Beach Tennis tem a arena principal com capacidade para 1000 torcedores, além de 21 quadras externas, somando 11 mil metros quadrados. A competição vai ter a participação de cerca de 400 atletas brigando pelo título em 19 categorias, sendo quase 100 na profissional. As finais serão no domingo, a partir das 12h.

MaisPB