João Pessoa, 07 de maio de 2012 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
VALOR ECONÔMICO

Advogado paulista ignora Cássio e o chama de ‘senador lá da Paraíba’

Comentários:
publicado em 07/05/2012 às 12h35
A- A+

Político algum gosta de ter seu nome relembrado quando o fato que se refere a ele é uma má notícia. Por outro lado, mexe com o orgulho do povo que a autoridade representa quando sua identidade é esquecida: a impressão que fica é que não representa nada para o país, levando de carona todo o poder do Estado.

A incômoda situação em questão foi registrada desta evz no jornal Valor Econômico, um dos mais conceituados da área no Brasil. Em matéria intitulada “Campanha virou subversão, afirma advogado”, o jurista Alberto Rollo deu sua posição sobre a minirreforma eleitoral, a qual taxou de “exagerada”. Porém, ao tratar da lei Ficha Limpa, o advogado a elogiou, mas "detenou" uma crítica ao povo paraibano, por ter dado milhões de votos “ao senador lá da Paraíba”. Enaltecendo a importância da lei como forma de barrar os corruptos, Alberto criticou o povo da Paraíba por ter dado milhões de votos ao um ‘condenado pela Justiça’.

"Agora não se pode votar no Paulo Maluf (PP-SP). Vai acontecer como no Irã dos aiatolás, onde 1.500 entre 5 mil candidatos foram indeferidos nas últimas eleições. Diz-se que o povo decidiu pela Ficha Limpa, ao dar mais de 1,2 milhão de assinaturas de apoio ao projeto. Mas milhões também votaram no Jarbas Barbalho e no outro Senador lá na Paraíba".

 Leia a matéria na íntegra clicando AQUI

MaisPB
 

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!