João Pessoa, 31 de maio de 2021 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
aumento de casos

Campina vive pior momento da pandemia, avalia secretário

Comentários:
publicado em 31/05/2021 às 11h39
atualizado em 31/05/2021 às 10h36
A- A+
Geraldo Medeiros, secretário de Saúde da Paraíba

Com aumento de casos e falta de leitos hospitalares, Campina Grande passa atualmente por seu pior momento desde o início da pandemia da Covid-19, segundo o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros. Ele ressalta que um novo decreto estadual mais restritivo será divulgado na próxima quarta-feira (2).

A intenção, além de frear o avanço da doença no estado, é evitar um possível desabastecimento de insumos médicos em virtude da alta demanda de internações.

Especificamente sobre Campina Grande, o secretário revelou que a cidade apresenta 96% de ocupação de leitos de UTI para Cvid-19  e 88% em enfermarias. No Hospital de Clínicas, por exemplo, não há leitos disponíveis.

“É um momento de tristeza, com 30 a 35 paraibanos morrendo diariamente, mais de dois mil paraibanos adoecendo todos os dias. Não é momento para se pensar em festa, em São João, Santo Antônio, São Pedro”, alertou, em entrevista à TV Cabo Branco.

MaisPB