João Pessoa, 23 de dezembro de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
operação calvário

Estado anuncia fim de Organizações Sociais na PB

Comentários:
publicado em 23/12/2019 às 10h33
atualizado em 23/12/2019 às 10h53
A- A+
Coletiva concedida pelo governador João Azevêdo. Foto: Reprodução/Secretaria de Saúde

O governador João Azevêdo (sem partido) anunciou, nesta segunda-feira (23), em entrevista coletiva no Palácio da Redenção, que irá encerrar todos os contratos com Organizações Sociais na área de saúde da Paraíba.

Azevêdo disse que em decorrência das investigações do Ministério Público precisou “trocar o pneu com o carro andando”. “Quando chegamos ao governo encontramos uma situação que tinha todo tipo de problema”, afirmou.

“Desde o início da gestão estamos tomando medidas em virtude das denúncias que apareceram”, prosseguiu.  “O modelo de OS’s não trouxe resultados esperados pela população em transparência”, complementou.

Hospitais como o do Trauma, em João Pessoa, e o Regional de Mamanguape, até então geridos por Organizações Sociais, serão administrados pelo Estado, em um calendário que terá início a partir de janeiro.

Confira o calendário:

Foto: Reprodução/Governo do Estado

Foto: Reprodução/Governo do Estado

“Estamos tomando providências que se fazia necessário, para que possamos ter uma nova gestão de saúde. Passamos durante esse período planejando essa nova estrutura, estamos resolvendo dois problemas”, afirmou o governador.

João Azevêdo ressaltou que aguarda a aprovação da Assembleia Legislativa da Paraíba para implementar a Fundação PB Saúde. O projeto de Lei Complementar que cria a Fundação foi enviado ao legislativo no início do mês.

MaisPB

MaisTV

Família quer júri popular e pena máxima para acusado de matar Patrícia

AUDIÊNCIA DE INSTRUÇÃO - 24/09/2021

Opinião

Paraíba

Brasil

Fama

mais lidas