João Pessoa, 10 de maio de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
CASA INVADIDA

Polícia apreende suspeito de fazer família refém no Cruzeiro

Comentários:
publicado em 10/05/2019 às 11h16

A Polícia Militar apreendeu o suspeito de invadir uma casa, nessa quinta-feira (9), no bairro do Cruzeiro, em Campina Grande, onde ele fez uma família de refém, exigindo dinheiro e que as vítimas facilitassem a fuga dele após o crime. O adolescente tem 16 anos. Ele entrou na residência armado, depois de trocar tiros com uma dupla de moto que possivelmente tentou matá-lo quando ele estava indo a uma aula de artes marciais.

Conforme relatos das vítimas à PM, o jovem estava vestindo um kimono – roupa usada para a prática de artes marciais – e apresentava ferimento de tiro no braço. Ele exigiu dinheiro das vítimas, mandou que fizessem um curativo no ferimento, pediu roupas para vestir no lugar do kimono e, por último, fez o dono da casa chamar um mototaxi para ele fugir.

Ao serem informados do fato, os policiais passaram a intensificar as buscas pelo suspeito, que foi apreendido quando foi buscar atendimento no Hospital de Emergência e Trauma.

De acordo com o cabo Alex Fernandes, do 2º Batalhão da Polícia Militar, o jovem tinha sido apreendido no último domingo com drogas, no bairro da Ressureição. “Ele foi apreendido, mas liberado no mesmo dia. Além disso, ele estaria envolvido em vários assaltos na cidade, inclusive já foi reconhecido por uma vítima que teve a moto roubada no dia 30 de abril, no bairro do Cruzeiro”, contou.

Após receber alta, o jovem detido foi levado para a Central de Polícia Civil, em Campina Grande, onde será investigado pela atuação e outros roubos na cidade. A arma usada por ele para ameaçar a família que teve a casa invadida está sendo procurada.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também