João Pessoa, 14 de julho de 2016 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Após assalto a repórter

Sindicato anuncia campanha para combater violência a jornalistas

Comentários:
publicado em 14/07/2016 às 11h16
atualizado em 14/07/2016 às 14h02

O presidente em exercício do Sindicato dos Jornalistas da Paraíba, Antônio Nunes, afirmou, na manhã desta quinta-feira (14), em entrevista ao Portal MaisPB, que a entidade pretende, em conjunto com outros movimentos que representam a imprensa, iniciar uma campanha de combate aos atos de violência praticados contra jornalistas paraibanos.

Nessa quarta-feira (13), a repórter da TV Paraíba Larissa Fernandes foi assaltada enquanto gravava uma matéria justamente sobre os casos de roubos nas paradas de ônibus nas proximidades da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), no bairro Bodocongó.

Veja o momento do assalto.

Antônio informou que está reunido neste momento para definir como vai ser efetivamente implantando o movimento, que deve ser divulgado até o fim do dia.

Ele disse ainda que pretende convidar os deputados federais e chefes da segurança do estado para participar da discussão sobre o tema.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também