João Pessoa, 16 de fevereiro de 2016 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
EM JOÃO PESSOA

Arthur explica sustação do TCE a licitação da Perimetral Sul

Comentários:
publicado em 16/02/2016 às 14h22
atualizado em 16/02/2016 às 12h29
A- A+

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, Arthur Cunha Lima, detalhou, nesta terça-feira (16), irregularidades encontradas na licitação  para obras da Perimetral Sul, em João Pessoa. A resposta de Arthur veio após o governador Ricardo Coutinho acusar o TCE de obstacular  o andamento do serviço da construção da via que ligará a BR 101 à PB-008.

De acordo com Arthur Cunha Lima o processo começou após uma denúncia da advogada Maria Clara Barbosa, no dia 16  de janeiro que, entre outra acusações, houve ausência da publicação de edital eletrônico em site, contradição e quebra do principio da isonomia quanto a vistoria obrigatória ao local de serviço e restrição de competitividade.

Arthur Cunha Lima explicou que, após a denúncia chegar ao TCE, a mesma foi constatada  pela auditoria do tribunal e encaminhada para ao relator do processo onde foi concedida um liminar par sustação da licitação.

Artur disse ainda que o governo   recorreu   em um processo com 180 páginas que chegou a auditoria  no dia 22 de janeiro, mas o tempo de apreciação da matéria não foi suficiente antes do período carnavalesco. Para Arthur, faz já faz dez dias que o TCE se debruça sobre a defesa do Executivo estadual e na próxima quarta-feira será levada ao pleno para manutenção ou reforma dependendo do que for entendido.

Roberto Targino –  MaisPB

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!