João Pessoa, 13 de dezembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
ELEIÇÕES 2014

Dilma Rousseff se reúne com ministros e cúpula de campanha no Alvorada

Comentários:
publicado em 01/10/2014 às 17h10

A quatro dias do primeiro turno das eleições, a presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição pelo PT, reuniu nesta quarta-feira (1º) no Palácio da Alvorada, residência oficial em Brasília, ministros e a cúpula de sua campanha. Sem compromissos oficiais, a petista recebeu os conselheiros logo pela manhã.

As reuniões entre Dilma e os principais integrantes de sua campanha têm ocorrido com frequência no Alvorada. Ao longo do período eleitoral, a presidente recebeu no Alvorada quase que diariamente – exceto os dias de comício em outras cidades – ministros e coordenadores de campanha.

Dilma se reuniu nesta manhã com os ministros Thomas Traumann (Comunicação Social) e Aloizio Mercadante (Casa Civil), além do ministro licenciado Miguel Rossetto (Desenvolvimento Agrário) e o ex-ministro da Secretaria de Comunicação Social Franklin Martins, responsável pela campanha de Dilma na internet.

Pesquisa Datafolha (*) divulgada nesta terça (30) apontou a presidente com 40% das intenções de voto no primeiro turno, a candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, com 25%, e o candidato do PSDB ao Planalto, Aécio Neves, com 20%.

Mesmo com a agenda não prevendo compromissos públicos para esta quarta, a expectativa é que Dilma receba jornalistas no Palácio da Alvorada para conceder entrevista coletiva. Geralmente, a candidata aborda um tema de sua escolha, como transporte, segurança ou saúde e, em seguida, responde a perguntas de jornalistas.

Apesar de durante as entrevistas a presidente ser abordada sobre os resultados das pesquisas eleitorais, Dilma não costuma comentar os dados divulgados. A candidata evita, ainda, comentar sobre temas como equipe de governo que montará, caso seja eleita.

“Eu não sento na cadeira antes da hora, já fizeram isso e dá azar”, costuma dizer, sem citar nomes. Em 1985, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), à época candidato a prefeito de São Paulo pelo PMDB, posou para a imprensa sentado na cadeira do prefeito um dia antes do pleito. FHC, no entanto, perdeu a eleição para o ex-presidente Jânio Quadros, que, logo depois de ser empossado, desinfetou a cadeira com uma lata de inseticida.

Nesta quinta (2), a presidente viajará ao Rio de Janeiro, onde participará de debate entre presidenciáveis na TV Globo, à noite. Como tem feito em dias de debate, Dilma passa o dia em um hotel na cidade onde ocorrerá o compromisso, reúne integrantes de sua campanha e se prepara para as eventuais questões que poderão ser abordadas.

*O Datafolha ouviu 7.520 eleitores em 311 municípios nos dias 29 e 30 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00905/2014.

G1

Leia Também