João Pessoa, 16 de janeiro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
NA ESPREITA

ÉPOCA : Vital mira na presidência do Senado e Ministério da Previdência

Comentários:
publicado em 07/11/2014 às 18h00

O jornalista Felipe Patury publicou, nesta sexta-feira (7), em sua coluna no site da Revista Época, que o senador Vital do Rêgo (PMDB) está utilizando a sua força dentro do PMDB para conseguir a Presidência do Senado ou o Ministério da Previdência do Governo Dilma Rousseff.

De acordo com Patury, as aposta de Vital para ocupar um ministério no Governo Federal estaria em uma possível desistência de Renan Calheiros (PMDB-AL) por causa dos respingos da operação ‘Lava Jato’ sob  Sérgio Marchado, presidente da Transpetro, a quem Calheiros é ligado.

Garibaldi Alves, que ocupa a Previdência, seria o nome mais cotado para suceder Renan Calheiros na presidência do Senado, assim com o senador Eunício Oliveira e Vital do Rêgo.

Leia texto na íntegra 

Um dos nomes mais fortes do PMDB no Senado, Vital do Rêgo (PB), presidente da Comissão de Constituição e Justiça e da CPI da Petrobras, trabalha seu futuro em dois sentidos diversos.

De um lado, coloca-se como possível candidato à sucessão do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). De outro, aparece como possível substituto de Garibaldi Alves (PMDB-RN), caso ele deixe o Ministério da Previdência. As apostas de Vital do Rêgo mostram como está conturbado o cenário no Senado.

Se quiser, Renan Calheiros é considerado favorito para ficar no cargo. Seu óbice está nas investigações da Operação Lava Jato, que atingiram o presidente da Transpetro, Sérgio Machado, a quem Renan é vinculado. Garibaldi Alves é apontado como um nome que teria a simpatia do Planalto para substituí-lo.

O atual líder do partido no Senado, Eunício Oliveira, também é um forte candidato. Vital do Rêgo entrou na parada há duas semanas. Há ainda um nome nessa equação: o líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB), perdeu a eleição para o governo do Amazonas e espera ser contemplado pelo Planalto.

MaisPB

Leia Também