João Pessoa, 18 de outubro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
ENTREVISTA MAISTV

Jeová venceu câncer e eleições, em 2018

Comentários:
publicado em 18/10/2018 às 19h26
atualizado em 19/10/2018 às 09h59

Reeleito pelo PSB, o deputado estadual Jeová Campos é o entrevistado desta quinta-feira (18) da série “Fenômenos Eleitorais” da MaisTV, canal de vídeo do Portal MaisPB.

Campos, que tem a base eleitoral em Cajazeiras, entrou no processo eleitoral deste ano após um tratamento contra um câncer na laringe, que alterou a sua voz, e chegou a duvidar se teria condições de estar na disputa.

“Em julho, quando terminei a radioterapia, eu tive um período de oito dias de reflexão. Emagreci muito, fiquei sem condições de engolir água, fiquei impotente, mas as orações, a equipe médica e a solidariedade da família, dos amigos e até dos adversário, me reergueram. Inclusive, posso dizer que entendia que tive uma votação maior, como forma de solidariedade”, destacou.

Disputa em Cajazeiras

A partir de 2019, Cajazeiras, no Sertão do Estado, passará a contar com a presença de três parlamentares na Assembleia Legislativa: Dra. Paula Lacerda (PP), Junior Araújo (Avante) e Jeová Campos (PSB).

O socialista afirmou que precisou travar uma disputa desproporcional entre os demais. “Foram três candidaturas legítimas, mas eu só tive o apoio dos suplentes e de três vereadores, mesmo assim tive a mesma votação dos demais candidatos”, disse.

Em relação ao grupo político de Júnior Araújo, o parlamentar pontuou que houve uma divisão interna. “Eles me escolheram como adversário. Estavam nas casas pedindo voto para Júnior, dizendo que eu estava eleito já”, afirmou.

Presidência da ALPB

Jeová é da ala governista que defende que o próximo presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba seja do PSB, que fez a maior bancada da Casa. A decisão para a escolha de quem ocuparia o cargo, porém, teria que passar pelo crivo do Governador Ricardo Coutinho (PSB) e do governador eleito João Azevêdo (PSB).

Assista 

MaisPB

Leia Também