João Pessoa, 11 de outubro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
cuidados

Boa alimentação pode prevenir câncer

Comentários:
publicado em 11/10/2018 às 16h13
atualizado em 12/10/2018 às 07h52

Ao longo do mês de outubro a Caixa de Assistência dos Advogados da Paraíba (CAA/PB) vem desenvolvendo diversas ações com o intuito de alertar os advogados paraibanos e a população em geral para o diagnóstico precoce e o tratamento do câncer. Entre as ações estão também a de prevenção. Neste sentido, a nutricionista Louise Rodrigues, que atende no Centro de Bem-Estar do Advogado (CBEA), fala sobe a alimentação saudável enquanto uma forma de prevenir o câncer.

Antes de tudo, Louise esclarece que é importante manter sempre uma alimentação saudável. “Uma alimentação balanceada e equilibrada é rica em frutas, legumes e verduras em geral. Sobretudo antioxidante e antinflamatória”, afirma.

Em meio aos alimentos estão: castanhas, avelãs, amêndoas pela presença do selênio; laranja, limão, acerola, goiaba, goji berry ricos em vitamina C; cenoura, mamão, óleos de peixe, gema de ovo fonte de vitamina A; já na sardinha, salmão, ovos e queijos, por exemplo, é possível encontrar a vitamina D.

Louse afirma ainda que o câncer e seu tratamento pode promover uma série de efeitos colaterais que afetam a nutrição. “Uma boa alimentação é essencial para o tratamento do câncer. Tanto para amenizar os efeitos colaterai, quanto para diminuir o risco de recidiva da doença”, disse.

A nutricionista fala ainda dos alimentos que precisam ser evitados, que são os considerados pró-oxidantes e inflamatórios. “Alguns desses alimentos são os óleos vegetais, gorduras trans, açúcares, industrializados, enlatados, embutidos; e, alimentos que possuem conservantes, corantes, agrotóxicos”, alertou.

Mitos e Verdades – O Instituto Nacional de Câncer (Inca) elencou alguns mitos e verdades que também fazem parte dessa relação entre a alimentação e o câncer. São eles:

Existência de alimentos milagrosos para cura do câncer é um dos mitos. Não se pode atribuir a nenhum alimento específico o poder de cura. A alimentação saudável deve ser variada e composta por diferentes tipos de alimentos protetores, como frutas, lefumes, feijões e outras leguminosas.

Outro mito é o da exposição ao forno de micro-ondas que pode provocar o câncer. Segundo o Inca, a radiação do micro-onda tem apenas a propriedade de cozinhar e/ou aquecer os alimentos, não alterando a estrutura química ou molecular do alimento. Assim, o consumo de alimentos aquecidos no micro-ondas não aumenta o risco de câncer.

Já um fator que é tratado como verdade é a questão do excesso de gordura corporal aumentando o risco do câncer. Pois o excesso de gordura corporal provoca alterações hormonais e um estado inflamatório crônico. Sendo assim, a gordura contribui para formação e progressão de diversos tipos de câncer a exemplo do de mama.

Mais uma questão tratada como verdade pelo Inca diz respeito ao combate do câncer a partir da alimentação. As escolhas alimentares são importantes e alguns alimentos podem ajudar a proteger o corpo contra a doença, bem como outro, auxiliam no desenvolvimento.

MaisPB

Leia Também