João Pessoa, 18 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
2º MANDATO

Ricardo Coutinho vai monitorar secretários e cortar gastos do Estado

Comentários:
publicado em 02/01/2015 às 14h38

O governador Ricardo Coutinho (PSB) revelou, na noite de quinta-feira (01), que irá estabelecer um sistema de monitoramento por resultados de gestão em todas as secretarias estaduais no seu segundo governo, assim como já acontece na pasta da Segurança Pública, para aprimorar o funcionamento e resultados da máquina pública e, assim, projetar o futuro do Estado.

“Vamos estabelecer um sistema de monitoramento por resultados de gestão. É preciso redimensionar o pensamento da nossa máquina, do nosso Estado, do nosso fazer político. A tendência natural é olhar para trás, resolver os pepinos passados. Nos precisamos aprender a olhar para frente. Construir as coisas para frente”, disse.

Segundo Ricardo, a ferramenta de gestão será utilizada por todas as pastas já neste primeiro semestre de 2015. “Quero dar aqueles que compõem o governo uma mudança de mentalidade, para que a gente comece a projeta o futuro”, afirmou.

Ricardo enfatizou que não irá permitir nenhum tipo de acomodação da sua equipe neste segundo mandato.

“É fundamental que a gente compreenda, todos nós, o governo como um todo, que não podemos nos acomodar. Cada dia é um dia. Temos que enfrentar cada dia com a mesma disposição, mesma garra, para com a mesma paixão fazer com que as coisas funcionem e retirar dos meus amigos, companheiros ou conhecidos, não interessa a composição que seja, qualquer coisa que diga respeito a essa acomodação é fundamental para o governo, para mim. Nos vivemos aquilo que a gente rende. Então, temos que render. Tive uma equipe que rendeu bastante e quero rende mais ainda. Quero também formar quadros”, declarou.

Contenção de despesas

Ricardo disse também que não sua segunda gestão irá cortar gastos, diminuir custeio, locação de imóveis e de veículos.

“Claro que isso não atinge áreas essenciais, eu não vou parar uma única viatura, ambulâncias. Vamos diminuir aquilo que precisa e pode ser diminuído. Não possível fazer aventuras, temos que pisar em terra firma. Sei o que está acontecendo pelo país a fora. Tem Estado que não conseguiu pagar dezembro, que está com a folha comprometida. Nós pagamos tudo em dia, mas isto não quer dizer que tem dinheiro sobrando, quer dizer que estamos governando na margem dos acertos”, completou.

Posse

Os novos secretários do novo governo de Ricardo Coutinho serão empossados na próxima segunda-feira (5) em cerimônia que acontecerá às 10h00, no Teatro Paulo Pontes, no Espaço Cultural, em João Pessoa (PB). Segundo o governador, na próxima semana, após a posse, já deverá se reunir com a nova equipe para transmitir as primeiras orientações.
 

Cristiano Teixeira – MaisPB

Leia Também