João Pessoa, 07 de outubro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
AOS 86 ANOS

Arlete Magalhães, viúva de ACM, morre na BA

Comentários:
publicado em 07/10/2017 às 13h45
atualizado em 07/10/2017 às 13h47

Morreu, aos 86 anos, no início deste sábado (7) D. Arlette Maron de Magalhães, viúva do ex-senador e ex-governador da Bahia Antônio Carlos Magalhães (ACM, morto em 2007). A ex-primeira dama estava internada desde esta sexta-feira (6) no Hospital Cardio-Pulmonar, bairro da Garibaldi, em Salvador, por conta de um acidente vascular cerebral (AVC).

D. Arlette era avó do prefeito de Salvador, ACM Neto, e foi casada por 55 anos com o patricarca da família Magalhães. O casal teve quatro filhos: Luís Eduardo Magalhães (morto após um infarto fulminante em abril 1998), Antônio Carlos Magalhães Júnior, Ana Lúcia Magalhães (morta em 1986) e Tereza Mata Pires.

A ex-primeira dama era conhecida por sua personalidade reservada, religiosa, e por seus atos de caridade frequentemente associados à Paróquia Nossa Senhora da Vitória, no bairro da Graça, região nobre da capital baiana onde reside boa parte dos Magalhães.

 O corpo de D. Arlette Magalhães será sepultado às 17h deste sábado, no Cemitério do Campo Santo, bairro da Federação, em Salvador, onde a família mantém um jazido perpétuo.

Em nota à imprensa, ACM Neto lamentou o falecimento da avó: “É um momento de dor para toda a família e para aqueles que conviviam com dona Arlette. Perdi uma avó dedicada, uma amiga e grande conselheira”, disse o chefe do executivo municipal.

R7

Leia Também