João Pessoa, 23 de agosto de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
NA FRANÇA

Ativistas do Femen pedem liberdade de mulher que matou marido violento

Comentários:
publicado em 26/11/2016 às 11h22
A- A+

Ativistas do Femen fazem topless com o corpo pintado com frases pedindo a libertação de Jacqueline Sauvage, que recebeu a sentença de 10 anos de prisão por matar o ex-marido violento.

A decisão foi mantida, apesar de o presidente francês François Hollande conceder o perdão parcial.

A polícia francesa deteve as manifestantes, que protestavam em frente ao prédio do Tribunal de Justiça, em Paris, durante o julgamento. Sauvage se tornou símbolo da luta contra a violência machista após suportar 47 anos de violência física, verbal e sexual.

Bol 

Leia Também