João Pessoa, 18 de agosto de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
REUNIDOS EM JOÃO PESSOA

Petistas descontentes querem fim da eleição direta no partido

Comentários:
publicado em 26/11/2016 às 10h46
atualizado em 26/11/2016 às 16h40
A- A+

Várias tendência do Partido dos Trabalhadores (PT) que defendem mudanças profundas na legenda se reuniram, na noite desta sexta-feira (25), em João Pessoa, para  formalizar proposta que serão levadas à Brasília nos próximos dias 2 e 3 de dezembro em encontro nacional dos descontentes do da sigla.

O encontro contou com  grupos ligados aos deputados Anísio Maia, Frei Anastácio, Luiz Couto, do vereador eleito  Marcos Henriques e da engenheira Giucélia Figueiredo entre outros.

Em contato com o Portal MaisPB, neste sábado (26), o deputado Anísio Maia adiantou que uma das propostas discutidas ontem foi o fim da eleição direta na escolha de novos dirigentes partidários e a volta da votação  através de congresso.

“Não vamos participar de jeito nenhum do processo de eleição direta, que é uma  forma de trazer  um monte de gente para votar sem debate, sem discussão. Queremos votar através de congresso e com o debate de tema por tema. Não estamos querendo restringir mas buscar a qualificação e o voto com  conscientização profunda do assunto. O processo da eleição direta não conscientiza e não orienta”, explicou Anísio Maia.

Ainda segundo Anísio Maia, outra proposta é a mudança geral na direção nacional do PT, que, para ele, foi  responsável por tudo que o partido tem vivido atualmente.

Os petistas também exigirão transparência nos gastos do partido e não permitirão que nenhum membro com mandato vote no projeto que anistia o Caixa 2.

Anísio Maia, Luiz couto, Frei Anastácio, Giucélia  Figueiredo integrarão a delegação do partido que irá a Brasília no começo do próximo mês.

Roberto Targino – MaisPB

Leia Também