João Pessoa, 21 de outubro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Alhandra

Renato vai à Justiça para que prefeito faça transição

Comentários:
publicado em 11/10/2016 às 14h10
atualizado em 11/10/2016 às 16h40

O prefeito eleito de Alhandra, Renato Mendes (DEM), encaminhou à Gestão Municipal ofício comunicando os integrantes da Comissão de Transição, mas ainda não obteve resposta. “Estou preocupado porque já encaminhamos o documento há oito dias e até agora não tivemos resposta. Quero lembrar ao atual prefeito que existe Resolução Normativa do Tribunal de Contas do Estado (TCE) disciplinando a transição e, além disso, a vontade do povo nas urnas deve ser respeitada”, comentou, acrescentando que poderá procurar a Justiça para que seja feita a transição.

A comissão apresentada pelo prefeito eleito é composta por quatro pessoas, sendo elas: Marco Villar, José Nunes Maia, Juracy Mendes e Fábio Rocha. “Nosso objetivo é conhecer a real situação da prefeitura para que a população não seja penalizada com descontinuidade de ações. Todo gestor tem o dever legal de promover uma transição e a não realização também tem repercussão negativa na futura análise das prestações de contas anuais”, disse.

Renato Mendes foi eleito prefeito de Alhandra com 7.722 votos. Esse será o seu terceiro mandato. “A cidade vive um momento de terrorismo, ameaças de demissões, enfim, eu peço a Deus que conforte o coração do atual gestor, pois se ele pretende continuar na vida pública que reconheça a derrota, feche o mandato como eu fechei, faça a transição como eu fiz, pois abri as portas da prefeitura depois de 10 dias que nosso grupo foi derrotado. Por isso, espero que esse gesto seja repetido, que o Prefeito atual tenha a decência e o espírito republicano de providenciar a transição rapidamente e não depenar a prefeitura como estou vendo por aí as trocas de pneus de carros, diversos comentários de que até areia irão jogar nos motores dos veículos”, observou.

MaisPB

Leia Também