João Pessoa, 21 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
CELEBRIDADES

Anitta expõe a intimidade para e lembra a época em que comia miojo

Comentários:
publicado em 17/01/2015 às 13h29

 Em Las Vegas, onde esteve para participar do Grammy Latino, em novembro do ano passado, a cantora Anitta circulou de limusine. A certa altura, sem saber quem estava conduzindo no banco de trás, a motorista se vira para ela e pergunta: “Você é uma celebridade?” Rindo, Annita responde em inglês: “Sou irmã da Kim Kardashian”. Em seguida, séria, explica: “Sou uma cantora do Brasil”.

Esta cena é apresentada logo na abertura de um ótimo documentário sobre a cantora, programado para ser exibido neste domingo, às 22h, na MTV. O UOL assistiu ao programa com exclusividade. Ele é o primeiro de uma série chamada, “Música.doc”, que também vai apresentar a intimidade de Marcelo D2, Ivete Sangalo, Mr. Catra, Pitty e MC Guimê.

O documentário sobre Anitta chama a atenção pela abertura que ela concedeu às diretoras do filme, Dora Jobim e Clara Cavour, e pela aparente espontaneidade e sinceridade que transmite durante as filmagens.

Na cozinha de sua casa, por exemplo, em companhia da mãe, Anitta abre a geladeira e comenta: “Nessa casa tem fartura. Há cinco anos eu abria a geladeira e só tinha água e ovo”. Pensa um pouco e acrescenta. “E miojo, que era 50 centavos”.

A maior parte do documentário registra a viagem da cantora a Las Vegas, onde foi a única brasileira a se apresentar na cerimônia de entrega do Grammy, e depois a Los Angeles, onde fez um trabalho fotográfico.

Anitta fala das cirurgias plásticas que fez, nos seios e no nariz, e se diz espantada com as reações que provocou por conta disso. “Hipocrisia e moralismo”, reclama. “Fiz plástica. Tenho um problema, tenho um peito do tamanho do mundo”, diz, em tom de desabafo.

A cantora também fala das dificuldades que tem em controlar o peso e conta que de tempos em tempos abre mão das dietas. “Se eu estou a fim de fazer uma dieta, eu faço. Se eu estou a fim de não fazer e engordar, eu engordo”.

Sem largar o telefone, Anitta revela que sonha, sim, em fazer carreira nos Estados Unidos, mas parece ter os pés no chão. “Não me acho a última bolacha do pacote.”

Para quem se espantou com o elenco escolhido para integrar a série “Música.doc”, muito popular, digamos, a MTV explica que “selecionou artistas que, além de serem populares atualmente, conversam diretamente com o público do canal”.

Os seis nomes, segundo a MTV, levam em conta tanto artistas mais jovens, que despontaram recentemente, como nomes com carreiras consolidadas há mais tempo “entre esse mesmo público”.

O segundo episódio da série, dedicado a Ivete Sangalo, vai ao ar em 8 de fevereiro. Em 1º de março, o programa mostra uma festa de aniversário na casa Mr. Catra. O documentário sobre Marcelo D2 está previsto para 22 de março. Depois, em 12 de abril, é a vez de MC Guimê e, no dia 26 do mesmo mês, Pitty encerra a série.

“Música.doc” é uma produção da Migdal Filmes, co-produzida pela MTV, com apoio de leis de incentivo e selo da Ancine. Cada documentário tem cerca de 50 minutos.

Leia Também