João Pessoa, 13 de novembro de 2015 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
equipe

Cartaxo nomeia Severino Queiroz para a Controladoria da PMJP

Comentários:
publicado em 13/11/2015 às 09h38
atualizado em 13/11/2015 às 09h40
A- A+

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, anunciou, na manhã desta sexta-feira (13), o auditor Severino Souza Queiroz como o novo Controlador-Geral do Município (CGM). Especialista em Gestão Pública, Queiroz ocupa o cargo de Analista de Finanças e Controle da Controladoria-Geral da União (CGU), onde coordenou diversas ações ligadas ao combate à corrupção e à improbidade administrativa em todo o país.

Com 14 anos de atuação na CGU, o novo controlador pretende aprimorar os mecanismos de controle interno do Município, fortalecendo os instrumentos de regulação e de fiscalização. “Viemos somar, emprestar nossa experiência no controle de gastos e incrementar as ações de correição, ouvidoria e transparência na gestão pública municipal”, disse.

De acordo com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, “a chegada de Queiroz à Controladoria só irá reforçar uma das maiores premissas da gestão, de respeito ao patrimônio público, com transparência e cumprimento da legislação”, explicou. Cartaxo ressaltou, ainda, que a cidade está entre as mais transparentes do país, como apontou o Instituto de Estudos Socioeconômicos (Inesc), ocupando a primeira posição com São Luís e Rio de Janeiro.

A nomeação de Queiroz para o cargo foi também elogiada pelo procurador-chefe do Ministério Público Federal na Paraíba, Rodolfo Alves Silva. “O controle interno é um elemento decisivo para uma gestão pública cumpridora do seu papel e também da lei. Queiroz tem experiência e certamente vai contribuir para aprimorar os mecanismos de controle interno da Capital”, disse.

O novo controlador assume o lugar do advogado Sérgio Alves Barbosa, que continuará compondo o governo. A Controladoria-Geral da Prefeitura de João Pessoa é responsável pela defesa do patrimônio público e pela transparência da gestão, por meio das atividades de controle interno, auditoria e ouvidoria. Cabe ao órgão o zelo pela correta aplicação dos recursos públicos, estabelecendo medidas de prevenção e de fiscalização.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também