João Pessoa, 04 de dezembro de 2023 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Ana Karla Lucena  é bacharela em Direito pela Universidade Estadual da Paraíba. Servidora Pública no Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba. Mãe. Mulher. Observadora da vida.

Sonharei todos os sonhos que quiser sonhar

Comentários: 0
publicado em 04/12/2023 às 07h00
atualizado em 03/12/2023 às 17h36

“Eu quero aquela vida que a gente inventa antes de dormir…”

Trecho de uma linda canção, que continua… “mas, pra dar certo, sei que tenho que acordar tomando atitude…”

Por que será que nem todo mundo realiza os sonhos? Será algo que já nos vem predestinado? Por que será que a maioria das pessoas desiste dos seus sonhos? E se eu desisti daquele sonho que estava a apenas um passo de se realizar? E se um passo em falso me sabotou?

Estava lendo outro dia que Walt Disney,  (foto)no ano de 1919, foi demitido de um jornal porque “não tinha imaginação nem boas ideias”. Ora, vejam só! Estamos falando do maior ganhador de Óscars da história!

Há uma história por trás de cada pessoa. E cada sonho abandonado é um pedacinho dessa história que deixa de existir.

Fernando Pessoa dizia que matar nossos sonhos é o mesmo que nos matar, é mutilar a alma, porque nós e nossos sonhos somos inseparáveis. É como se estivéssemos mortos por dentro, só esperando a morte física chegar. “Somos do tamanho dos nossos sonhos.”

“Somos feitos da mesma matéria que nossos sonhos”, William Shakespeare.

São tantas paisagens já conhecidas… tão tedioso esse viver programado, estático, ao mesmo tempo frenético, na ânsia por sobreviver.

Estar escrevendo para vocês hoje é um sonho realizado. E é tão importante saber que alguém, em algum lugar, numa segunda-feira pela manhã ou ao cair da tarde está ouvindo a minha alma.

Então, que nossas noites sejam mais demoradas, assim sonharemos mais! Mas não esqueçamos de acordar e que o nosso acordar seja como o do lutador que se prepara para entrar no ringue. Ele sabe que não vai ser fácil, mas, desistir não é uma opção. E, aguentemos o tranco, porque, como dizia Rocky Balboa, ninguém vai bater mais forte do que a vida!

* Os textos dos colunistas e blogueiros não refletem, necessariamente, a opinião do Portal MaisPB