João Pessoa, 03 de dezembro de 2020 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
Postagem ofensiva

Coren PB divulga nota de repúdio contra Gentili

Comentários:
publicado em 03/12/2020 às 10h59
atualizado em 03/12/2020 às 10h04
A- A+

O Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba (Coren PB), divulgou nota na manhã desta quinta-feira (03) nota repudiando postagem do comediante, Danilo Gentili (SBT), que escreveu, segundo a autarquia, “calcado na discriminação para denegrir e ofender a classe da Enfermagem em seu perfil em rede social”.

Na nota, o Coren PB afirma que: “Não se pode admitir que, sob o manto da liberdade de expressão, as pessoas utilizem desse tipo de manifestação de pensamento que ofende publicamente uma coletividade de mulheres Enfermeiras, reforçando uma cultura machista e misógina perpetrada na sociedade brasileira por muitos anos”.

Por meio do twitter, o comediante fez uma ‘piada’ envolvendo os profissionais da enfermagem.

Leia a nota na íntegra:

Nota de Repúdio

O Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba (Coren-PB) responsável pela regulação do exercício profissional da enfermagem no campo da assistência à saúde, vem à público manifestar seu total repúdio às declarações proferidas pelo Sr. Danilo Gentili, onde se diz humorista e se utiliza desse discurso humorístico calcado na discriminação para denegrir e ofender a classe da Enfermagem em seu perfil em rede social.

A mensagem veiculada por Danilo Gentili reduz o trabalho realizado pelas profissionais de enfermagem, incitando o preconceito às Enfermeiras que exercem papel fundamental no cuidar humano nas instituições de saúde de todo o Brasil.

Não se pode admitir que, sob o manto da liberdade de expressão, as pessoas utilizem desse tipo de manifestação de pensamento que ofende publicamente uma coletividade de mulheres Enfermeiras, reforçando uma cultura machista e misógina perpetrada na sociedade brasileira por muitos anos.

O Coren-PB reitera a importância das habilidades técnico-científicas da Enfermagem em todos os níveis do cuidado, enfatizando que a Enfermagem é essencial e protagonista na construção da saúde pública brasileira, pois uma assistência segura e de qualidade é alicerçada na multidisciplinaridade, valorizando o papel de cada profissão.

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!