João Pessoa, 23 de dezembro de 2015 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
imediata

Cássio defende saída de Cunha: ‘Tem que cair após o recesso’

Comentários:
publicado em 23/12/2015 às 11h47
atualizado em 23/12/2015 às 09h21
A- A+
Senador Cássio Cunha Lima, do PSDB-PB

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), líder do partido no Senado, defendeu a saída imediata do deputado federal Eduardo Cunha (PMDB) da presidência da Câmara Federal.

De acordo com  Cássio, o peemedebista não tem mais condições alguma de continuar presidindo a Câmara do Deputados, principalmente por conta do nível de manipulação que faz dos seus interesses pessoais em detrimento dos interesses da Nação. “Hoje, o Eduardo Cunha é um mal para o país que precisa ser resolvido urgentemente pelo grau de manobra e manipulação que ele faz. Não pode um só cidadão fazer do país um joguete como vem fazendo Eduardo Cunha”, disparou.

O tucano disse ainda que Eduardo Cunha vem jogando com a República há muito tempo e não pode deixar o país refém de seu joguete. “Ele manipulava a oposição. Ele manipulava o governo. Ele fez da República malabares. Por isso, acho que situação dele é insustentável. Logo após o recesso, ele tem que cair, porque não pode um só cidadão fazer do país um joguete como vem fazendo”, ressaltou.

MaisPB

MaisTV

Polícia investiga homicídio de gêmeos e bebê na PB

EM ITABAIANA - 08/12/2021

Opinião

Paraíba

Brasil

Fama

mais lidas