João Pessoa, 23 de agosto de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora

Jornalista desde 2007 pela UFPB. Filho de Marizópolis, Sertão da Paraíba. Colunista, apresentador de rádio e TV. Contato com a Coluna: heroncid@gmail.com

Passado e futuro

Comentários:
publicado em 21/08/2013 às 18h48
A- A+

Nenhuma cidade tem futuro se no presente esquece o passado. Esse mantra precisa ser levado muito a sério em João Pessoa, a terceira capital mais antiga do Brasil. Não adianta exibirmos os arranha-céus futuristas nos bairros nobres da praia, fruto do boom da construção civil, se não tivermos competência de conservarmos nossa história.

A conquista de R$ 50 milhões para investimentos em projetos de recuperação do Centro Histórico de João Pessoa, anunciada ontem pela presidente Dilma Roussef em São João Del Rei (MG) na presença do prefeito Luciano Cartaxo, revitaliza a esperança de historiadores, urbanistas, arquitetos e pessoenses defensores da preservação do espaço que testemunhou o nascimento da cidade.

Outros prefeitos até demonstraram boas intenções e fizeram intervenções pontuais aqui e acolá, mas os projetos apresentados pela Prefeitura e aprovados ontem pelo Governo Federal demonstraram, felizmente, uma visão macro da atual gestão municipal para com o Centro Histórico.

As intervenções projetadas passam por obras de restauro de imóveis antigos, monumentos, qualificação dos conjuntos urbanos e construção de equipamentos de lazer e cultura. E não há mesmo como falar em revitalização, no sentido essencial da palavra, sem a construção da interação entre história, pedra, cal, comércio e pessoas.

É necessário pensar o Centro Histórico como um todo, resgatando a herança dos valores e significados culturais, sem esquecer a preocupação com quem ali vive e construiu suas histórias pessoais. Somente assim, o espaço pode se tornar um ambiente convidativo à visitação, convivência e consciência de que ali está um passado com potencial de virar um diferencial para o futuro da cidade.

*Reproduão do Correio da Paraíba, edição do di a21/08/2013 (quarta-feira)

Leia Também