João Pessoa, 19 de novembro de 2017 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
AVALIAÇÕES

Ronaldo Barbosa admite indefinição do PSB em participar do governo Cartaxo

Comentários:
publicado em 07/01/2015 às 14h35

O presidente do PSB de João Pessoa, Ronaldo Barbosa, anunciou, nesta quarta-feira (07), que não próxima terça-feira (13), o diretório municipal irá se reunir para iniciar as discussões sobre a participação ou não da sigla na gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PT), admitindo a indefinição dos socialistas.

No momento, o PSB está divido entre assumir ou não uma secretaria na Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), como já defende o próprio prefeito Luciano Cartaxo (PT). Membros do coletivo girassol entendem que a entrada do PSB na equipe de auxiliares da PMJP compromete o partido em 2016 com apoio à reeleição de Cartaxo.

Para este grupo, a legenda deve aguardar mais um pouco. Esse grupo está convencido de que essa postura preserva algo essencial para 2016: a condição política de apresentar uma candidatura, caso necessário. Outra ala do PSB advogada a tese de que a participação no governo Cartaxo é natural, pelo princípio da reciprocidade, já que o PT ocupa secretaria estadual no governo de Ricardo Coutinho (PSB).

Barbosa explica que a cautela do PSB se deve ao fato que o partido não pode pensar apenas localmente. “Vamos supor que o PSB participe do governo aqui [João Pessoa]. O que fica no xadrez de 2016? Que tem apoio. O que significa participação na Prefeitura de Patos? Apoio a Veneziano, em Campina Grande. E 2018, como faz?”, indagou.

O encontro da próxima terça servirá de preparação para outra reunião do dia 28 deste mês, ocasião na qual o PSB irá se aprofundar mais detidamente sobre composição na gestão de Cartaxo.

MaisPB

Leia Também