João Pessoa, 11 de maio de 2019 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
CAJAZEIRAS

TRT admite rever fechamento de Vara

Comentários:
publicado em 11/05/2019 às 08h34
atualizado em 11/05/2019 às 10h11

O presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região (TRT), desembargador Wolney de Macedo Cordeiro, admitiu na tarde desta sexta-feira (10), a possibilidade de rever a decisão de fechar a Vara do Trabalho no município de Cajazeiras, logo após se reunir com o prefeito José Aldemir, com o presidente da Ordem dos Advogados da Paraíba (OAB-PB), Paulo Maia, e o presidente da Seccional da OAB-PB de Cajazeiras, Jone Pereira.

O desembargador Wolney disse que não esperava menos do povo cajazeirense, do que lutar para manter a Vara trabalhista aberta. “O Tribunal passa por um problema orçamentário, que exige redução de gastos. Não há dúvida que existe um estudo para remoção de Varas e nele, Cajazeiras se encontra dentro da possibilidade para a remoção. Porém, o prefeito trouxe colocações importantes, e vamos ponderar para ver o que se pode fazer”, declarou.

O presidente do TRT ressaltou ainda o fato de que Cajazeiras foi a primeira e única cidade a defender a manutenção da Vara de forma tão organizada, ao tempo que agradeceu ao prefeito José Aldemir e a deputada Doutora Paula pela demonstração de união “ao chamar o deputado Jeová Campos para
participar conjuntamente da audiência e demonstrar o interesse de conclamar outros deputados federais e estaduais para também se fazerem presentes em outros momentos”.

Para o prefeito José Aldemir, essa foi mais uma vitória do povo Cajazeirense. Ele adiantou que irá conclamar outros prefeitos da região polarizada por Cajazeiras para estarem juntos no Tribunal Regional do Trabalho, no próximo dia 16, ocasião em que será realizada uma reunião do Pleno para decidir a
questão.

“A Vara do Trabalho de Cajazeiras atende uma grande população na região, fato que credencia esse povo a lutar pela permanência no município. Permitam-me dizer, sem falsa modéstia, que Cajazeiras tem um prefeito que procurar agir traduzindo o sentimento da população e da representatividade política que Cajazeiras tem. Nos embates que enfrentamos, sempre lutamos com altivez e nossas mobilizações sempre deram resultados positivos, a exemplo da luta pela manutenção da Polícia Rodoviária Federal”, destacou José Aldemir.

O presidente da OAB-PB, Paulo Maia, reafirmou o compromisso e apoio pessoal e da Ordem à demanda do prefeito José Aldemir e do povo cajazeirense. "Entendemos a preocupação do presidente do TRT, ante os problemas de orçamento, mas Cajazeiras é uma importante cidade da região e
o prefeito apresentou elementos concretos importantes com vista a manter a Vara do Trabalho no município”, comentou.

José Aldemir agradeceu ao presidente do TRT, desembargador Wolney de Macedo Cordeiro, pela audiência e também ao apoio do presidente da OAB- PB, Paulo Maia, e do presidente da seccional de Cajazeiras, Jone Pereira, que, segundo o prefeito, atendeu de pronto a convocação para se juntar à luta do povo cajazeirense. “De forma especial, quero agradecer o emprenho da deputada Doutora Paula, que nos apoiou nessa luta, e do deputado Jeová Campos, que além de parlamentar é, também, advogado”, comentou.

A audiência contou ainda com as presenças de Hugo Moreira Feitosa, advogado e representando o Gabinete do Deputado Jeová Campos (PSB), e de Rita Medeiros, advogada que representou a deputada Doutora Paula (Progressista).

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também

Colunas

Whatsapp(83) 99346-5236

Pôr do Sol na Praia do Jacaré, em Cabedelo, Litoral Paraibano

Enviado por
Felipe Bezinho

mais lidas