João Pessoa, 10 de dezembro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
nesta quarta-feira

Luciano entregará chaves do Novo São José

Comentários:
publicado em 10/12/2018 às 08h39

As obras do Residencial Novo São José já estão concluídas e esta semana será muito especial para 336 famílias que realizarão o sonho de viver fora de áreas de risco e com mais conforto e cidadania. O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo visitou, na manhã deste domingo (9) o residencial, conferiu os últimos detalhes e marcou para esta quarta-feira (12), a partir das 8h30, a entrega oficial das chaves aos novos moradores que terão a oportunidade de passar o Natal em um novo lar.

“Estamos muito felizes de chegar a este momento especial e que com certeza representará uma mudança real na vida de 336 famílias que agora poderão criar seus filhos em um lar digno, com conforto e em segurança. Isso é resultado de uma gestão que compreende a importância que um lar tem na vida das pessoas e que trabalha para gerar mais qualidade de vida para toda a população. Nesta quarta-feira estaremos entregando as chaves dos apartamentos na certeza de que a gestão está no caminho certo, trabalhando por quem mais precisa e enfrentando os problemas históricos da cidade, vencendo o desafio de fazer o que nunca foi feito”, disse o prefeito Luciano Cartaxo.

Com obras orçadas em R$ 26 milhões, o Residencial Novo São José integra uma série de investimentos realizados pela atual gestão da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) não só para reduzir o déficit habitacional como também para por fim às áreas de risco de desabamento, deslizamento ou alagamento da cidade. No São José, por exemplo, além da construção do residencial, a Prefeitura também realizou obras e já entregou a urbanização do bairro com espaços de convivência, lazer, pratica de esportes e Academia da Terceira Idade (ATI), dando nova cara ao São José.

Para realizar as obras, a Prefeitura concedeu auxílio-moradia para os moradores das áreas de risco do bairro para eles deixarem suas casas e possibilitar a construção do residencial no mesmo local. Na área, a construtora realizou um trabalho de sustentação da barreira para dar prosseguimento à construção dos apartamentos. A PMJP também inovou ao contratar, através da construtora, 30% da mão de obra entre os próprios moradores que agora serão beneficiados com a entrega dos apartamentos.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também