João Pessoa, 10 de setembro de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
antirrábica

PMJP qualifica profissionais para vacinação

Comentários:
publicado em 10/09/2018 às 08h43
atualizado em 10/09/2018 às 10h24

O Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses (Cvaz) de João Pessoa vai qualificar aproximadamente 600 profissionais da Rede Municipal de Saúde para imunizarem cães e gatos no Dia D da Campanha de Vacinação Antirrábica, que será realizada em 22 de setembro com 200 postos de imunização distribuídos na Capital. A qualificação vai acontecer durante esta semana e os profissionais serão distribuídos em quatro grupos.

Duas turmas serão qualificadas no auditório do Centro Administrativo Municipal (CAM), sendo uma nesta segunda-feira (10) e outra na quarta-feira (12). Outras duas turmas participarão da atividade no auditório do Ministério da Fazenda e no auditório da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), na terça-feira (11) e quinta-feira (13), respectivamente. Nos quatro dias, o horário será das 8h às 11h.

De acordo com Nilton Guedes, gerente do Cvaz, a capacitação será ministrada por médicos veterinários e biólogos do Centro de Zoonoses. “Os profissionais serão orientados sobre técnicas de segurança da vacinação antirrábica, além de uma palestra sobre as medidas profiláticas para evitar a esporotricose”, disse.

A médica veterinária do Centro, Suely Ruth, explica que a esporotricose é uma doença perigosa que acomete os felinos e é transmitida por contato tanto entre os gatos, quanto do gato para o ser humano. “Essa doença é facilmente transmitida através de mordeduras, arranhaduras ou resultante da manipulação dessas feridas que contenham grande quantidade de fungos”, afirmou.

Postos Itinerantes – Dentro da programação da Campanha de Vacinação Antirrábica, os postos itinerantes continuam visitando os bairros da Capital com maior concentração de cães e gatos. Na terça-feira (11), haverá posto instalado nas comunidades Monsenhor Magno e Frei Damião, no bairro Valentina Figueiredo.

Na quinta-feira (13), os postos estarão na Associação de Moradores do Ernesto Geisel e também em frente às unidades de saúde da família (USF) Mudança de Vida, no bairro do Cristo, e Rangel III, no bairro do Rangel. Já na sexta-feira (14), haverá um posto no campus da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). O atendimento ao público nos postos itinerantes acontece no período das 8h às 12h.

Durante a campanha, a população poderá levar seus cães e gatos para serem vacinados também no Centro de Zoonoses. O horário para vacinação no Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses é das 8h às 17h. O Cvaz fica localizado na Avenida Walfredo Macêdo Brandão, nº 100, Jardim Cidade Universitária.

O proprietário deve levar o cartão de imunização do animal, mas aqueles que não tiverem o cartão também receberão o comprovante de vacinação. Caso seja a primeira vez em o que o animal será vacinado, o proprietário deve ficar em alerta para a segunda dose, que deve ser realizada após 30 dias.

Campanha – A meta da campanha é imunizar 80% da população de canina da Capital, atualmente estimada em 80 mil cães, devendo ser vacinados mais de 60 mil. Para os gatos, o Ministério da Saúde não estabelece uma meta de imunização, mas a Vigilância Ambiental do município pretende imunizar aproximadamente 15 mil felinos. Devem ser imunizados cães e gatos a partir dos três meses de vida.

Raiva animal – A raiva animal é uma doença causada por um vírus. Ela ataca diversos animais, e também o homem. Quase 100% das pessoas que adquirem a doença chegam ao óbito. O cão, o gato e o morcego são os principais transmissores da raiva em áreas urbanas.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também