João Pessoa, 23 de agosto de 2018 | --ºC / --ºC Dólar - Euro

ÚltimaHora
SAÚDE BUCAL

CRO revela atendimento deficitário na PB

Comentários:
publicado em 23/08/2018 às 13h54
atualizado em 23/08/2018 às 18h30
Karina de Oliveira, coordenadora de fiscalização do CRO-PB (Foto: Wallison Bezerra)

Pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou que existem na Paraíba cerca de 1 milhão de pessoas que perderam dentes. Por sua vez, o Conselho Regional de Odontologia revelou que o acesso à saúde bucal é deficitário no estado.

Em entrevista ao Arapuan Verdade, da Arapuan FM, a coordenadora de fiscalização do CRO-PB, Cariles de Oliveira explicou que o cenário se repete em todos os municípios vistoriados.

Segundo ela, a principal dificuldade das prefeituras é manutenção dos consultórios e reposição dos materiais utilizados nos procedimentos. Ela reforçou que além do espaço e do profissional de odontologia, o atendimento requer equipamentos e materiais, cuja reposição é complexa.

Ela revelou ainda que em caso de interdição alguns municípios levam até três anos para regularizar a situação. “Infelizmente isso é uma questão de visão do gestor em captar recursos para que os serviços sejam implantados, melhorados e não haja interrupção”, frisou.

MaisPB

Certificado digital mais barato para advogados e contadores Clique e saiba como adquirir

Leia Também